minhas frases

AO NAVEGAR NO BLOG e quiser retornar ao início, clique no menu: "início"



Alguns artigos publicados foram pré-agendados (datas de publicação programadas) usando o aplicativo disponível no próprio Blogger, então, posso não estar online no instante da postagem.


Agradeço a sua visita. Se inscreva para eu te conhecer... bjuss...Mii

VISITANTES APÓS MARÇO- 2011

ASSISTA ALGUNS VÍDEOS QUE ESCOLHI.

Loading...

segunda-feira

POESIA DE TONY FONSECA- DE REPENTE


DE REPENTE


DE REPENTE ELA SUMIU ASSIM
COMO DESAPARECE A LUZ AO SE FAZER A NOITE,
COMO SE VAI A LUA NO PASSAR DA NUVEM,
COMO O VENTO ACABA, QUANDO É CALMARIA...

DE REPENTE, ASSIM TÃO DE REPENTE,
ENTRE UM SUSPIRO E OUTRO,
TÃO INESPERADAMENTE,
QUE NEM O BEIJO SECARA
EM MINHA BOCA OU MINHA MENTE.
ELA  NÃO    DISSE ADEUS
E NEM LEVOU O MEU ADEUS COM ELA...

E NO PÓ DA ESTRADA, NEM PEGADA.
ELA SUMIU DE MIM, COMPLETAMENTE
E POR MAIS QUE FOSSE PROCURADA
NUNCA MAIS A VI, DEFINITIVAMENTE...

TONY FONSECA
(com poesias no site Recanto das Letras

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradeço a visita e seu comentário. Aguarde a aprovação.